Cala-boca já morreu participa da apresentação de pesquisa no Instituto Alana

No dia 11 de janeiro de 2016, as Professoras Grácia Lopes Lima e Teresa Melo apresentaram, para a equipe do Instituto Alana, os resultados da pesquisa "Criança, Mídia e Consumo na Formação de Professores", um trabalho de parceria entre o Projeto Cala-boca já morreu, UFG - Universidade Federal de Goiás, e UFSCAR - Universidade Federal de São Carlos.

Com duração de um ano, a equipe contou com 12 pessoas, três delas doutoras, mais nove pesquisadores bolsistas das referidas instituições.

Considerando que o conceito de criança varia com o tempo e o tipo de sociedade, bem como a necessidade de formação crítica de futuros professores, a investigação teve como objetivo obter dados sobre a presença (ou não) dos temas Criança, Mídia e Consumo na grade curricular dos cursos de pedagogia, responsáveis pela formação para o magistério no ensino fundamental.

A pesquisa se utilizou, inicialmente, de informações oficiais publicadas pelo MEC, INEP, sites e redes sociais de instituições de ensino superior de todo o território nacional. Na sequência, também buscou dados publicados por professores e/ou alunos que, independente de suas instituições, se posicionam sobre o tema em redes sociais.

Em breve, os resultados do que  encontramos na internet, entre maio e novembro/2015, serão divulgados pelo Instituto Alana e também vão ser objeto de artigos para revistas acadêmicas.