Terceira idade no Cala-boca já morreu



Dia 08/03 aconteceu na casa Cala-boca já morreu mais um Treinamento de Memória, ministrado pela gerontóloga Maria Lúcia Berger, como acontece todas às sexta-feiras, das 10 às 12 horas.

Escrevo neste primeiro momento como registrador em fotografia daquilo que aconteceu na atividade.

Vi como foi é possível estimular ou resgatar a memória fazendo pequenas alterações no nosso cotidiano.

Sentir as elevações existentes nas chaves, mudar constantemente o lixo do lugar são exemplos de como estimular as funções cerebrais. Na segunda parte do encontro, os idosos participantes desse trabalho, fizeram exercícios para estimular suas funções cognitivas, habilidades e resoluções de problemas racionais.

Identifiquei em todos os participantes um desejo de trabalhar a memória para buscar busca pela melhoria na qualidade vida.

Abraços

Jefferson Santana, do grupo gestor do Projeto Cala-boca já morreu


Nenhum comentário:

Postar um comentário