Nossa ida ao FISL 13



Maryana, Mylena, Fabrício, Guilherme, Laúcia, Isis (responsável por nós), Sofia e eu fomos a Porto Alegre participar do FISL13 (Fórum Internacional do Software Livre), especialmente, para fazer a cobertura do evento em rádio, a convite do Felipe Santos, das Redes Livre, do CESMAR (Centro Social Marista) de Porto Alegre. 



Diário da viagem

Dia 25 de julho de 2012
Acordamos bem cedo para chegar uma hora antes no aeroporto, eu nem tomei café! Como era a primeira vez de avião de muitos, a ansiedade era bem grande! Fomos em dois táxis, pois estávamos em 9 pessoas, incluindo a Grácia que foi convidada pelo FISL para uma dar uma palestra sobre Educomunicação.

Chegamos no aeroporto e a Isis e a Grácia foram fazer o check - in. Depois do check - in era a hora de embarcar. Entramos no avião, colocamos o cinto e decolamos!!! Não demorou muito e ouvimos a aeromoça dizer que já estávamos em Porto Alegre - RS.

Saímos do avião e pegamos uma van que nos levaria para a PUCRS  (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul), o local em que  ocorreria o FISL 13. Lá, encontramos a Mariana Manfredi e o César, que foram para mais um trabalho pelo +Telecentros, um dos projetos em que eles trabalham. 

Fizemos as nossas credenciais que nos permitiram ter acesso ao evento e fomos para uma sala guardar as malas. Depois de nos ajeitar na sala, conhecemos o Felipe Santos, um dos organizadores do FISL e quem nos fez o convite para cobrir o evento. Então chegou um grupo de jovens do CESMAR (Centro Social Marista). Fizemos as apresentações e fomos almoçar.

Depois do almoço nos juntamos em grupinhos de 3 ou 4 pessoas e fomos andar pelo FISL para ver o que estava acontecendo nos Stands. Andamos bastante. Voltamos para a sala e compartilhamos o que a gente viu pelo evento. 

A partir daí, decidimos os assuntos que seriam tratados no programa de rádio do dia seguinte, que seria transmitido pela Rádio Software Livre. É importante ressaltar que a escolha do tema do programa foi feita inteiramente por nós, jovens, que também temos o que dizer.

No final do dia, nos reunimos novamente para fazer as considerações sobre o dia. Depois pegamos uma outra van que nos levaria para a CAJU (Casa da Juventude), onde a gente ficaria hospedado. Jantamos uma comidinha deliciosa e bem quentinha!! Fomos para o quarto, arrumamos as coisas, tomamos banho, descansamos um pouquinho e dormimos!!


Dia 26 de julho de 2012
Tomamos o café da manhã e fomos para a PUC. Voltamos para a mesma sala do dia anterior, guardamos os pertences e fomos andar pelo FISL.

Encontramos o pessoal do CESMAR e fomos almoçar!! 

Depois do almoço, a gente se juntou nos grupinhos e foi entender mais sobre os temas dos blocos. O programa seria às 17:00 horas e 15 minutos. Antes a gente foi pro estúdio. Era um estúdio pequeno, uma sala com paredes de vidro e uma caixa de som do lado de fora, para que as pessoas pudessem ver e ouvir o que estava acontecendo ali. 

O programa foi muito bom, estávamos bem soltos, apesar do nervosismo. Rolou bastante conversa e deu pra entender sobre os assuntos que tínhamos dúvidas.

Depois do programa a gente fez as considerações sobre o dia e vários dos comentários foram do tipo “foi muito bom fazer programa pela primeira vez!!!!”.

Novamente pegamos a van e fomos para a Caju. Jantamos e dormimos.


Dia 27 de julho de 2012
Acordamos com um dia friiiiiio! 

Tomamos um café super corrido, já que era dia de visitar o CESMAR.
Pegamos uma outra van e fomos até o bairro Mário Quintana, na zona Norte de Porto Alegre. Chegamos lá e encontramos o pessoal que fez rádio com a gente no dia anterior. Tomamos um outro lanchinho, mais reforçado, que estava uma delícia! :)

Então, eles nos apresentaram o espaço, que era bem grande!!! Tinha um lago com patos e galinhas. Eles têm até uma horta, e as hortaliças plantadas são usadas no refeitório do CESMAR. Lá parece uma fazenda, com algumas casinhas, que são espaços de oficinas, como: dança, capoeira etc. Há também um telecentro, onde as pessoas da comunidade acessam a internet. 

As oficinas também ocorrem em um galpão, onde tem um Centro de Recondicionamento de Computadores (CRC). 
Muitas empresas enviam seus computadores antigos pra lá e ao invés de irem parar no lixão, vão para o CRC, onde são desmontados e passam por atualizações para serem utilizados novamente! Depois, eles são embalados e doados para telecentros para o uso das pessoas do bairro.

Conhecemos o trabalho deles no CESMAR e fomos almoçar. 
Depois do almoço, que estava delicioso, nós fomos para a PUC. Novamente, fomos preparar o programa que iríamos apresentar nesse dia, `as 17 horas.

Sofia Soares, 11 anos

Nenhum comentário:

Postar um comentário