Crianças e Adolescentes apresentam ideias para a Rio +20

"Segundo Mariana, uma das dificuldades encontradas para a efetiva participação das crianças foi o idioma, tendo em vista que todas as atividades eram em inglês, sem que houvesse tradução. 'Não foi uma dificuldade só nossa, percebemos que várias crianças também tiveram esse problema, afirma' A produção de vídeo foi uma forma encontrada pelos participantes da organização Cala-boca já morreu para superar essas dificuldades. Em três vídeos produzidos por eles, as crianças relatam a experiência e trocam informações sobre os temas da conferência."

Clique aqui para ler a matéria de Camila Maciel, jornalista da ADITAL - Agência de Informação Frei Tito para América Latina, sobre a Conferência TUNZA, que aconteceu na Indonéia, em setembro de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário