Visita ao jornal Gazeta de Pinheiros


Na última quarta, dia 2 de março, estive reunido, na condição de diretor de relações instituicionais da ONG Projeto Cala-boca já morreu, com a diretora do jornal Gazeta de Pinheiros, Ana Lúcia Donnini. Participou também da reunião Regina Castello Branco, diretora do CCI – Centro de Convivência do Idoso.

O objetivo do nosso encontro foi apresentar ao Jornal de bairro com 55 anos de existência o Projeto Cala-boca já morreu, contar sua história, o que faz e as pessoas que compõem esse grupo que completa 16 anos em 2011. Em especial, tratamos da nova fase do projeto, que incorporou em suas atividades as do CCI.

Há décadas, o CCI ocupa um imóvel que é patrimônio do município de São Paulo, na Av. Henrique Shaumann, 125, no bairro de Pinheiros, São Paulo. Desde julho de 2010, todavia, quem assumiu a administração da casa – depois de tomadas as providências e encaminhamentos aos orgãos competentes, conforme documentação – foi o Projeto Cala-boca já morreu. Desde então, é nesse endereço que todas as atividades do Projeto estão sendo realizadas, inclusive aquelas que antes eram desenvolvidas pelo CCI, como a Oficina da Memória, o Coral Acalanto e o Carteado.

Nossa reunião foi muito proveitosa, em grande medida graças à atenção e acolhida da senhora Ana Lúcia, que mostrou e colocou à disposição do Projeto os espaços destinados a eventos culturais na sede do jornal, assim como a publicação de uma matéria realizada pelo jornalista Fabrício, que também nos acompanhou durante a reunião.

Não há como não reconhecer a importância dos jornais locais, ou de bairro, de nossa cidade, em particular o Gazeta de Pinheiros que há décadas presta serviços para uma das grandes regiões da metrópole. Também não há como não contar com a valiosa colaboração desse meio de comunicação para o fortalecimento tanto do Projeto Cala-boca já morreu como das demais organizações que atuam no bairro.
Donizete Soares
Relações Institucionais
* Para ler a matéria, acesse aqui

Um comentário:

  1. Esta união CCI – Centro de Convivência do Idoso e o Projeto Cala-boca já morreu é sensacional para os idosos lá presentes, parcerias como esta seria essencial acontecer em outras entidades pois tenho certeza que será um sucesso e elevará a auto-estema dessas pessoas que por muitas vezes são esqueci dadas por seus parentes ou tratadas como incapazes. Parabéns!

    ResponderExcluir