Casa da Geny - o dia das crianças todo especial!


A Geny, uma grande amiga da Laúcia, conheceu as meninas do CBJM na instituição ICC - Casa da Solidariedade, onde ela é professora de coral.
Desde que conheceu o grupo Cala-boca já morreu, ela queria saber como é que nos fazemos os encontros com as crianças.
Expliquei e ela gostou muito da ideia.
Por esses motivos, ela ofereceu a sua casa para passarmos lá o dia de São João e até fazermos uma fogueira no seu quintal, mas não deu certo nem nesse dia nem nos seguintes: um dia era chuva forte, outro ela não tinha tempo ou nós é que não podíamos ir com
todo o grupo, pois muitos estavam atarefados com outras atividades do projeto.
O tempo passou, até que Geni sugeriu para marcarmos um encontro no dia das crianças.
Deu certo, pena que nem todos puderam comparecer.
A casa dela tem quintal na entrada e nos fundos - muito espaço para correr e brincar.
Só a viagem de metrô e ônibus até lá já foi uma curtição!
Mal chegamos, as meninas e o menino já foram correndo e entrando em tudo que era buraco.
Primeiro apresentei a Geny para quem ainda não conhecia.
Depois fizemos a pauta de como seria o dia. O combinado foi curtir um pouco a casa dela e logo depois do almoço irmos ao Parque da Cantareira.
"Era" o combinado, pois as crianças gostaram tanto da casa dela que não quiseram parar de brincar para ir andando até o parque.
Eu e Geny, então, caprichamos num gostoso almoço: macarronada com frango assado, melancia e sorvete de sobremesa.
Contamos com o sol sorridente para contribuir para um dia mais bonito.
As brincadeiras foram diversas, desde brincar de boneca até criar mistérios no porão da casa, com fantasmas e mil bichos criados por elas.
Só se ouviam os gritos:
- Corre.
- Socorro, o monstro!
Como não poderia ser diferente, rolaram algumas confusões, mas todas passageiras que o próprio grupo resolveu.
No fim, a Geny mostrou algumas fotos que ela tem com algumas das meninas e também contou histórias sobre seus 7 gatos, as atrações das crianças.
E na hora de ir embora, quem queria sair de lá?
Foi dura a partida.
E ela ainda deixou o convite feito para acampar, quando tivermos tempo, pois ela acha importante o contato das crianças com a natureza.
É bom conhecer pessoas bacanas como a Geny
Obrigado(a), pelo o convite. Nós do CBJM gostamos muuuuuuuuuuuito!

Sarau na Caixa Cultura de São Paulo

Ah, se vocês pudessem ver e ouvir o que presenciei ontem!

Eu, Lúcia, Mariana KZ e algumas crianças fomos à apresentação do grupo Os Tapetes contadores de histórias, por quem temos muito carinho e admiração.

No ano passado, quando o grupo esteve aqui no estado de São Paulo, fomos várias vezes ouvir suas histórias.

Que encanto, que tudo!

Mylena, Laúcia e Julyana também contaram, do seu jeito, outras histórias. Elas não se intimidaram no meio de tantos adultos, na grande maioria, contadores de histórias.

Igual a todos os grandes que estavam lá, mesmo com frio na barriga, elas enfrentaram os obstáculos, encararam, contaram e encantaram os presentes... Depois não queriam mais parar...

Curtimos muito!

Teve um lanche no fim: pipoca com guaraná. Tudo de bom, né?!

Um beijo para todos vocês que entram no nosso blog para acompanhar o que fazemos com as crianças nos nossos encontros!